Grupo ECC E-Consulting Corp. DOM Strategy Partners Instituto Titãs Inventures

Baguete – Abril, 2010

Fonte: Baguete

O mercado brasileiro de contact center cresceu 12,66% em 2009, alcançando faturamento de R$ 23,66 bilhões, segundo dados da E-Consulting. Para 2010, a previsão é que a receita do setor ultrapasse a marca dos R$ 25,5 bilhões.

O número de Posições de Atendimento (PAs) também aumentou, saindo de 471,17 mil em 2008 para 517,38 mil no final do ano passado. Este ano, a expectativa é que o número exceda os 535 mil.
Já em relação ao número de funcionários atuando no setor, o número passou de 448,07 mil para 492 mil entre 2008 e 2009, considerando apenas as operações terceirizadas.
Se levar em conta colaboradores próprios de empresas do segmento, o total sobe para 528,07 mil.
Para 2010, a projeção é que o número de funcionários, entre próprios e terceiros, trabalhando em contact center no Brasil fique entre 1,1 e 1,2 milhão.
Conforme a E-Consulting, esta expansão se deve, em grande parte, à entrada em vigor das novas regras da Lei do SAC. Outro fator que influenciou o crescimento foi o investimento das empresas de contact center em  áreas como TI, infraestrutura, treinamento, contratações e planejamento.
“Tudo para se adequar aos regulamentos da nova Lei. E todos esses investimentos tiveram forte participação no crescimento do volume de operações do setor”, ressalta Daniel Domeneghetti, sócio-fundador da E-Consulting.
Empresa do Grupo ECC, a E-Consulting atua nos setores de TI, Internet, mídia, telecom e contact center, focada em soluções e serviços nas áreas de consultoria de negócios, análise, desenvolvimento tecnológico e comunicação 360º.

Clique aqui para ler a matéria no site.

Os comentários estão fechados.

Scroll to Top