Grupo ECC E-Consulting Corp. DOM Strategy Partners Instituto Titãs Inventures

Portal E-commerce News – Maio, 2013

money

© Comugnero Silvana – Fotolia.com

O comércio eletrônico deve movimentar R$ 43,3 bilhões em 2013, o equivalente a um crescimento de 26% em relação ao ano anterior. Os dados são do Índice do Varejo Online (VOL), – que registra a soma trimestral dos volumes de transações on-line de automóveis, turismo e bens de consumo (varejo) através de lojas virtuais –,  realizado pela E-Consulting.

A pesquisa revela ainda que, entre as três categorias que compõem o VOL, a de turismo é a mais promissora, com estimativa de crescimento de 31% ao longo de 2013. Entre os fatores que mais contribuem para o crescimento do segmento, o levantamento aponta o poder aquisitivo das classes C e D, os programas de estímulo ao turismo interno no Brasil por parte do Governo Federal, e o crescente volume de viagens de negócios.

Já o desenvolvimento do varejo deve girar em torno de 27,3%, motivado pelo aumento da participação de itens de maior valor agregado, como eletrônicos e eletrodomésticos. Segundo o estudo, a expansão das formas de financiamento ao consumo oferecidas pelas empresas, é uma das razões que tem facilitado a compra de produtos de valores mais alto.

Para o setor de automóveis, que engloba transações de carros, motos e peças, o relatório prevê um crescimento relativamente mais tímido, de 20,6%, reflexo da maturidade da categoria e do forte crescimento registrado nos últimos anos. “Vale destacar que com a facilidade de acesso ao crédito sendo uma realidade no mercado de e-commerce, o número de consumidores on-line deve aumentar em 16% neste ano, representando 37 milhões de e-consumidores. Já o volume de internautas terá um incremento mais refreado, de 1,43%, o que contabiliza para um total de 85 milhões de pessoas acessando as redes”, estima o sócio-fundador da E-Consulting, Daniel Domeneghetti.

Os comentários estão fechados.

Scroll to Top