Grupo ECC E-Consulting Corp. DOM Strategy Partners Instituto Titãs Inventures

E-Commerce News, Setembro, 2017

 

Uma projeção da E-Consulting, consultoria especializada no mercado digital, detalhou que o segmento de Bussiness-to-Bussiness (B2B) deve movimentar R$ 1.81 trilhão no Brasil em 2017. O montante é 4.68% maior que o movimentado no ano passado e equivale, aproximadamente, ao Produto Interno Bruto da Itália.

Intitulada Business-to-Business online (B2BOL), a projeção é realizada há 15 anos e mede volumes transacionados digitalmente, tanto em marketplaces abertos como em sistemas integrados entre as companhias e seus fornecedores. A consultoria também divulgou os dados do B2BOL, realizado entre e-marketplaces indepentendes, chamados de mercados digitais intermediários. Em 2017, esses mercados devem atingir o volume de R$ 420 bilhões, ou 14,1% mais que o mesmo período de 2016.

Concernente às categorias, “bens de consumo” (11,4%) foi o segmento com mais compradores B2B. Logo em seguida figuraram governo e agências públicas (10,2%); varejo (10,7%); química e petroquímica (9,6%); telecomunicações, TI e internet, entretenimento e mídia (8,8%).

Para a consultoria, o incremento no investimento em plataformas e-commerce e ferramentas de gestão de conteúdo, como catálogos online, foi um fator preponderante para o aumento nas transações B2B online.

Os comentários estão fechados.

Scroll to Top